Arquivo mensal: novembro 2012

Como fazer puffs

Padrão

Um puff é sempre muito prático e confortável. Podemos colocá-lo no quarto ou na sala. Ele vai incrementar o espaço e ser um curinga na hora de receber. Os puffs são objetos de decoração que aliam versatilidade, praticidade e modernidade. No mercado encontramos dos mais diversos tipos. Mas, aqui vamos falar do passo a passo para se fazer esse pequeno estofado.

É bem verdade que comprar pronto parece mais prático, mas às vezes por alguns motivos acabamos adiando. Não achamos o tamanho ideal para o espaço que temos, ou quando achamos, nosso escolhido custa um pouco mais caro do que imaginávamos… E continuamos adiando…

A dica então é mandar fazer… Vamos seguir os passos??

Primeiro passo: o estofador. Isso mesmo. Depois de escolher o modelo de seu puff, chama-se o estofador para passar as medidas do móvel. Ele vai indicar a quantidade de tecido que deve ser comprado. Se tiver dúvidas quanto às medidas do puff, peça ajuda ao estofador. Nesse momento, já faça o orçamento e deixe tudo acertado, prazo de entrega, etc.

A minha indicação é a Capri Estofamento. Eles já trabalham com isso há mais de vinte anos. Reformam sofás, cadeiras em geral… Pode falar com o Elquison ou o Elton. Os telefones são 8117-8674 / 3347-4330 e o endereço é SCLN 408 – Bl. B, Lj.06/SS – Asa Norte – email: capriestofamento@gmail.com

O próximo passo é comprar o tecido. Você já sabe a quantidade. Agora é escolher entre os modelos. Quando chegar à loja, verá que existe muita variedade, e a disposição dos tecidos nem sempre ajuda na escolha. Mas, garanto que é mais fácil lidar com isso do que com aquelas situações que abordamos no início. Normalmente, o sofá tem uma cor sóbria, como cinza, bege, preto, marrom, etc. Então na hora de escolher o tecido do puff, vale até brincar um pouquinho. Pode colocar um pouco mais de cor e dar mais graça à sua sala, por exemplo.

Se tiver espaço, pode ousar e fazer mais de um modelo, com diferentes estampas, que tal?

Às vezes só pelo tecido é difícil imaginar como vai ficar. Mas acredite, siga os passos, escolha o tecido que converse com o seu sofá, seu tapete, o ambiente que ele vai ficar, e com certeza o resultado será positivo: um puff lindo e sofisticado!!

Onde encontrar o tecido?? Gente, todo mundo conhece lojas como a Donatelli no Casa Park, que vende tecidos maravilhosos. Mas, estou aqui para te ajudar a economizar e facilitar a vida de vocês (garantindo o resultado surpreendente!). Então vou indicar uma loja na Asa Sul chamada BM Tecidos e Plásticos. Fica na SCRS 511 – Bl. C – Lj. 38. Os telefones são 3345-1677 / 3345-1750. Tem muitas opções de tecidos. Já sabendo a quantidade de tecido e fazendo sua escolha, só vão faltar os rodízios.

 

Isso mesmo, o terceiro passo é bem simples. Aqui eu vou sugerir colocar rodízios nos puffs, caso você queira movimentá-los. Onde encontrar? Na Casa Nova Capital na W3 Sul 511 – Bl. “B” – Lojas 68 e 35. Eles já vendem os rodízios com todos os parafusos necessários. E essa loja fica a poucos metros da loja dos tecidos. Já resolve tudo de uma vez. Vale dizer que estou trocando uma experiência com vocês. Já pedi para fazer dois puffs quadradinhos uma vez, e segui exatamente esses passos. E deu super certo. Quanto aos rodízios, eu coloquei todos de silicone para não arranhar o chão, em cada puff, dois rodízios com travas e dois sem. A quantidade de rodízios depende do tamanho do seu puff. Para se ter uma idéia cada rodízio pequeno suporta 30 kg, facilita a locomoção, não precisa carregá-los, além da garantia de um chão sem riscos.

Passos dados, agora é levar o tecido e os rodízios ao estofador e aguardar o prazo combinado.

Caso precise de qualquer ajuda, conte comigo!

Tudo certo… Puff pronto! Agora é só colocar ele naquele espaço tão aguardado e curtir seu móvel novo e cheio de graça!!!

Aquele abraço,

Nádia Garcia

Gelo com flores

Padrão

Lembram daquela expressão que os “detalhes fazem a diferença?” Hoje eu trago uma dica linda, fácil e que torna qualquer bebida em um drink sofisticado. Estou falando de cubos de gelo com flores, que são um charme e trazem um toque especial até mesmo a uma taça de água.

As flores são comestíveis e em Brasília encontramos no La Palma da 404 Norte e 413 Sul, também me informaram que na feira do Guará, na banca de uma japonesa, na rua do pastel, encontra-se. Amor Perfeito, Boca de Leão, Calêndula, são algumas dessas flores que normalmentes são vendidas em caixinhas.

Deixe as flores que for utilizar imersas em um litro de água com uma colher de vinagre, por um minuto e meio.

E para o gelo ficar translúcido ferva a água e deixe esfriar naturalmente. Daí você terá água destilada e o gelo ficará transparente.

O próximo passo é preencher ¼ da forma de gelo com a água destilada e colocar dentro de cada cubo uma flor com a face da flor virada para baixo.

Agora leve ao freezer por trinta minutos. Depois preencha o restante da forma com mais água destilada e deixe solidificar completamente. Uma boa notícia? O mesmo vale com frutas, ou hortelã, por exemplo… Já imaginou???

Está pronto. Pode servir com águas aromatizadas ou drinks perfeitos.

Outra dica super delicious é colocar picolés nas bebidas. Nos espumante fica o máximo. E dá um sabor todo especial. Experimenta… é assim que a gente inventa e se aventura.

Garanto que vai ficar com vontade de beber com os olhos!!!!

Uva Itália: Uva itália, pedaços de lichia e picolé de uva. / Combinadinho: Framboesa, tangerina, maracujá e picolé de maracujá.

Bom fim de semana a todos.

Tapetes que agradam

Padrão

Tapetes podem conferir aconchego e charme aos ambientes. Na verdade, penso que são acessórios essenciais em uma casa. Na sala, quarto, cozinha, banheiro, sala de estar, varanda… não importa! São eles que ressaltam a personalidade do ambiente, transmitem sensação de aconchego, conforto térmico e delimitam espaços em qualquer cômodo que se encontram. No entanto, erros na hora de escolhê-los comprometem o resultado final da decoração.

Então vamos às nossas dicas do dia:

1) Deixe o tapete como o último detalhe a ser escolhido. Assim, é possível analisar bem o projeto e não cometer excessos. Por exemplo, se o sofá for colorido ou estampado, prefira peças neutras e lisas, e vice-versa;

2) Caso a ideia seja valorizar um tapete que é uma verdadeira obra de arte, o projeto pode começar a partir dele.

3) As peças devem seguir os mesmos tons do restante da decoração;

4) O tapete não é algo obrigatório no quarto, mas com certeza vai deixar a decoração charmosa e personalizada. Quando o piso da casa é muito frio, o têxtil acaba sendo usado como uma opção eficiente para aquecer o ambiente. É natural surgirem dúvidas na hora de optar pelo modelo de tapete ideal. No entanto, para fazer a escolha certa, procure respeitar e buscar sempre as combinações mais harmônicas. Os ajustes se tornam mais fáceis quando se opta por um modelo neutro, ou seja, com cores e estampas discretas. O formato do tapete no ambiente é fundamental para deixar a decoração bonita e funcional. Os retangulares ou quadrados se destacam como tradicionais e facilitam a distribuição dos móveis no quarto. Já o tapete redondo, funciona melhor nos dormitórios de crianças ou bebês, proporcionando um efeito lúdico. Não existem regras rigorosas quanto ao posicionamento do tapete no quarto, mas é importante que ele se harmonize com os demais elementos. A peça deve ainda se equilibrar com o principal móvel do cômodo, papel desempenhado pela cama. Apesar de muitas pessoas optarem pelo pequeno tapetinho ao lado da cama, o que vale tranquilamente, é recomendado o modelo amplo e retangular, que comece a 20 cm do criado, passe por debaixo da cama e tenha sobras nas laterais de pelo menos 60 cm.

4) É possível usar tapete na cozinha? Sim. Ele pode ser colocado perto do fogão, geladeira ou pia. Dê preferência aos modelos retangulares, como as passadeiras, ou a peças emborrachadas e com características antiderrapantes. Como o tapete na cozinha está sujeito a sujar rápido vale a pena apostar em cores escuras, capazes de esconder as manchas que comprometem o charme da decoração. As estampas podem (e devem) ser usadas, mas sem sobrecarregar o visual da cozinha.  Se a lavanderia fica junto da cozinha vale colocar um tapete em frente ao tanque.

5) No banheiro para gerar um belo efeito visual opte por toalhas que combinem com os tapetes do banheiro, dando preferência aos antiderrapantes.

6) É importante escolher um tapete que complemente a decoração de sua casa, e principalmente, da sala em que irá utilizar a peça. Uma dica importante é avaliar o espaço que irá receber o tapete, qual tipo de decoração e o modelo que mais se adequa ao tamanho do cômodo e a decoração como um todo. Avalie, por exemplo: cortinas, sofás e os acessórios do ambiente, sendo original na sua escolha. É aconselhado um modelo que tenha no mínimo a largura do sofá e entre embaixo do móvel – mais ou menos até a metade. Assim, as duas peças parecem estar num mesmo plano, eliminando a confusão visual de piso, tapete e sofá. Em um ambiente grande, fica chique usar um tapete que abrigue todos os móveis. Os tapetes delimitam os ambientes e quando existe um tapete na sala de estar, a tendência das pessoas é ficar na área demarcada por ele. O importante é que o tamanho do tapete – seja ele neutro, colorido, estampado ou liso – esteja perfeitamente adequado às dimensões do espaço, pois é o tapete que o demarca. Tapetes redondos são mais difíceis de usar. Eles atraem quem se identifica com o estilo moderno. O ideal seria utilizá-los em ambientes contemporâneos, às vezes, até descentralizado em relação ao ambiente. Eles ficam bem em livings, salas de TV e escritórios.

 

Onde encontrar? Já pararam para olhar a Moda Casa Riachuelo? Acreditem, a Riachuelo tem um mix de coleção de tapetes incríveis a preços super acessíveis. A Tok Stok também é uma boa sugestão, além da Etna, onde também encontram-se fácil tapetes para banheiro, entre outros.

Detalhe funcional: para limpar tapetes e estofados, uma recomendação incrível é o Vanish Karperx. Siga as instruções da embalagem e evite desastres com o seu tapete. O produto é ótimo!!

Aproveite as dicas e invista num efeito único e surpreendente na sua casa.

Nádia Garcia

Flores que enfeitam!!

Padrão

Que delícia… sexta-feira, escrever aqui pra vocês e hoje falar sobre uma beleza da vida: as flores.

Vamos enfeitar a casa?

Que tal encher de flores? Motivo? As flores deixam sua casa mais bonita, mais aconchegante e muito, muito mais charmosa. Pode apostar nessa idéia. Depois das dicas, comentem como ficou a casa de vocês. Isso sem falar na atmosfera romântica… aproveitem isso também. Cheias de motivos para encher a casa de flores?

Então mãos a obra, porque as sugestões são várias…

Permita-se brincar com as flores e fazer criações ousadas. Uma dica é usar objetos que carregam um pouco de sua personalidade. Dá mais graça ao arranjo.

Garrafas de diferentes formatos abrigam flores. Varie as espécies e enriqueça a composição.

Os bules são minha paixão particular. Aqui eu só cortei os caules das rosas até ficarem proporcionais ao bule. Troque a água de dois em dois dias e corte um pedacinho do caule. A durabilidade das flores é maior. As rosas são do Pão de Açúcar. Fácil, fácil de encontrar.

Latas de azeite? Quem diria… servem como cachepôs. Um barbarnte amarrado na borda adiciona bossa ao arranjo. Aí use a criatividade e capriche na mistura de flores e cores.

Divino: Coloca-se um copo de água dentro de uma jarra, e dele coloca-se um buquê de rosas, com mini-hortensias, minicrisantemos, frésias e outras belezuras mais, que se mantém estruturadas em meio a vistosas rodelas de laranjas pela jarra.

Outra idéia aprovadíssima é a xícara com pires, que fica linda com mini rosas. Fica perfeito para enfeitar um canto da casa ou a mesa.

Uma sacada perfeita para enfeitar a casa num dia especial ou até no dia a dia: a gaveta da cristaleira ou do aparador meio aberta escondendo flores belas. Puro charme.

Então aproveite a dica e já comece com flores na mesa do café da manhã. Capriche. Encante. Faça bonito e sinta-se melhor, bem melhor…

Aquele abraço,

Nádia Garcia.

Cestos Estilosos

Padrão

O que a organização tem de mais belo é que te permite usar sua criatividade dando personalidade ao lugar, resultando em um ambiente lindo, arrumado e que é a sua cara.

Alguns dias atrás postei sobre organização na lavanderia e área de serviço. Como disse, normalmente essa área fica junto a cozinha, então fica difícil deixar um cesto com roupas limpas nesse lugar, concordam?

Mas, que tal usarmos um cesto bem legal em outro canto da casa?

Vamos então apresentar sugestões de cestos… para isso vou contar com o talento da Sra. Albetiza da Costa, que trabalha fazendo cestos lindos no Box 179 na Feira da Torre de TV, bloco F. Ela é uma simpatia e o trabalho dela é maravilhoso. Todo fim de semana ela está lá firme e forte. Aprovadíssimo o trabalho dela gente… Sem falar que o preço é bem mais em conta.

Imagem  

O cesto vai ficar em outro canto da casa… algum problema? Nenhum. Eu dobro as roupas e coloco dentro dele. Uma observação: as camisas masculinas, depois de lavadas, eu já coloco no cabide separadas das outras, dentro do armário mesmo, na frente, para ficar mais fácil na hora de passar.

Imagem

Mas, já que é pra deixar a casa mais bonita, vamos enfeitar esse cesto?

Que tal uma echarpe que não usa mais ou um lenço? Seu cesto vai continuar guardando roupas, mas vai virar peça de decoração. Outra idéia é passar uma fita daquelas que compramos em loja de aviamentos e passar na tampa da cesta. A cor você escolhe. Garanto que vai gostar do resultado…

ImagemImagemImagem

E os sapatos? A melhor dica é quando chegar em casa os sapatos irem direto para a área de serviço, onde eles serão limpos e postos para arejar antes de ser colocados novamente dentro do armário. Um cesto também pode fazer as vezes e organizar tudo. Eu tenho varanda em casa, onde tenho um cesto e os sapatos sujos vão todos pra lá. Depois de limpos e arejados é que são guardados. Então minha sugestão pessoal é nunca deixar os sapatos jogados. Dá a impressão de desordem. Tire um ou dois dias por semana para limpá-los. Embora a organização pareça não ter fim, o hábito e o resultado compensam muito. No final das contas, o sucesso é garantido!!

Imagem

Abraço grande,

Nádia.

O poder do aroma em nossa casa!

Padrão

Entrar em casa com um cheirinho bom no ar é um prazer.

E como estamos perto do fim de semana, que tal prepararmos nossa casa e deixá-la com um ar irresistível para recebermos os amigos e, é claro, para o nosso bem estar???

Fazer a melhor escolha, entretanto, é o grande desafio. Varetas, sprays, velas e outros tantos produtos oferecem vantagens distintas que devem ser bem analisadas antes da compra.

Então aí vão algumas dicas. Espero que gostem…

Home Spray: Devem ser borrifados no ar. Podem ser usados na casa toda.

Difusor com varetas: Perfeitos para pequenos ambientes, como lavabos. Por serem charmosos acabam sendo também um acessório de decoração. Para intensificar o aroma, vire as varetas.

Velas aromáticas: Como deixam nosso ambiente aconchegante… fazem verdadeiras belezas com o seu toque intimista e atmosfera romântica.

Água perfumada para roupas: Pode ser borrifada nos edredons, pela manhã ao fazer a cama, nos lençóis e toalhas. Se aplicada na hora de passar a roupa se torna mais eficiente, e a roupa de cama e banho fica cheirosa por mais tempo.

Saches: Asseguram charme e elegância.  Lavandas e cravo são usados em saches para afastar traças em armários e gavetas.

 

Como sugestão:

Nos quartos, invista em aromas que produzam efeito relaxante. Aposte em lavanda, jasmim, rosa, camomila.

Na cozinha, use aromas cítricos e adstringentes, como o de pitanga da Tok Stok que neutraliza odores.

No banheiro, opções refrescantes são uma boa pedida, como o capim limão. Outra sugestão super bacana é o chá verde. É maravilhoso!

No hall de entrada aposte em aromas cítricos com toques florais.

 

Gostaram?

Aproveitem o poder de cada essência e espalhe o perfume pela sua casa!!

Organização do bem!

Padrão

Organização do bem!

Hoje vou falar sobre um tema que faz parte da nossa vida… Ou precisa fazer: a Organização. A questão é que sempre há onde melhorar. Eu costumo dizer que a “organização” é do bem quando aprendemos a dominá-la. Quando estamos organizando as gavetas, organizamos as idéias, sabiam? Isso é comprovado. Por isso vamos ter várias sugestões sobre organização.

Hoje vou dar dicas simples sobre a área de serviço e lavanderia. Em outro post continuamos o assunto, ok?

  

Como a maioria de nós tem a lavanderia junto a cozinha, as dicas vão principalmente para esses casos, mas dá pra aproveitar pra quem a tem separada.

1) Máquina de lavar encostada na parede. Ideal: prateleiras de vidro (qualquer vidraceiro corta na hora e é bem baratinha) pra se colocar acima da máquina a mais ou menos 1,60m de altura já contando com a tampa aberta (se sua máquina é de tampa frontal, a prateleira deve ser mais baixa). A largura dá pra ser de 0,20cm. E nesta colocam-se os produtos que se usa mais: sabão em pó, amaciante, produtos anti-manchas, etc. Essa prateleira também pode ser de madeira, sem problema algum.

2) De outro lado coloque outra prateleira e adquira cestinhas. Gente, cestas são um trunfo na organização porque deixam tudo junto e fácil de achar. Nada solto e sem referência. Para a área de serviço, cestinhas de plástico é a recomendação. Mais uma vez prateleiras, e as cestinhas, e daí separe os produtos: os de limpeza de casa, os de banheiro, os de cozinha, os panos de chão dobrados… Adquira um cesto e coloque as roupas sujas e as que não couberem coloque dentro da máquina de lavar mesmo. Quando vir tudo separado e organizado, o alívio vai ser enorme. Sem falar que vai ficar tudo mais clean e bem mais prático.

3) Outra sugestão é um pequeno armário como o que eu tenho em casa que esconde tudo. É a sugestão da foto. Em cima fica o aspirador de pó grande, junto com a caixa de ferramentas e na prateleira de baixo, que abro toda hora, ficam os produtos separados, do lado esquerdo lavanderia, no centro os produtos para casa, e no lado direito os panos de chão dobrados (sempre!). Algumas cestinhas para separar escovas vão bem.

4) É legal fazer, num cantinho, um armário comprido para rodos, vassouras, tábuas de passar, balde, bacia, etc.

5) Se a sua máquina de lavar fica ao lado do fogão, não aconselho colocar prateleira em cima da máquina, porque com produtos em cima, pode ser perigoso cair. Então, afaste a prateleira ou coloque armário mesmo.

Pessoal espero que aproveitem as informações: um segredo é que não precisa sair fazendo tudo de uma vez; vá fazendo aos poucos, testando, vendo o que fica melhor no seu caso. Tudo se ajeita com o tempo. Experimentar é a melhor dica!

Vale lembrar que estou à disposição para, pessoalmente, dar dicas de organização pra você e sua iluminada diarista. É só a gente combinar, ok?

Logo teremos mais posts sobre organização de área de serviço e lavanderia que vão deixar sua casa um aconchego só!!!

Abraço grande,

Nádia